Contabilidade/Fiscal

Afinal, o que é contabilidade criativa e quais são seus riscos?

por grupometa • 09/05/2017 • 17:46

cnhcVocê sabe o que é contabilidade criativa? Essa é uma maneira de disfarçar os resultados negativos da empresa, apresentando os dados com o intuito de ludibriar possíveis investidores e acionistas.

Embora pareça uma solução simples e fácil, a contabilidade criativa pode trazer sérios riscos para o futuro e para a credibilidade do negócio. Quer entender um pouco mais sobre esse conceito? Acompanhe o post de hoje!

Entenda o que é contabilidade criativa

Contabilidade criativa é uma maneira de alterar os relatórios financeiros da empresa, utilizando de omissões nas regras contábeis para apresentar resultados mais expressivos do que realmente são.

Geralmente, alguns gestores tentam adotar essa estratégia para “maquiar” as contas e obter financiamentos bancários ou investimentos de terceiros. O problema é que, ao tomar essa medida sem consultar um contador de confiança, os empresários podem cometer erros e deixar de pagar impostos.

Nesse sentido, essa prática pode trazer inúmeros prejuízos para um negócio. Entre eles estão: a falta de credibilidade, passivos fiscais e multas decorrentes do não pagamento de impostos.

Saiba por que a contabilidade criativa pode ser um crime

Em primeiro lugar, pode-se dizer que a contabilidade criativa geralmente resulta em crime porque adultera informações importantes sobre determinada empresa.

Essa prática pode ser considerada ilegal no momento em que um gestor modifica relatórios financeiros para deixar de pagar impostos ou até mesmo buscar financiamentos bancários, mostrando à instituição financeira um resultado melhor que o verdadeiramente obtido.

Nesse último caso, se o banco fizer o empréstimo e no futuro perceber a fraude, poderá entrar na justiça para recuperar o dinheiro, alegando que as informações apresentadas estavam deturpadas. Essa medida poderia comprometer a estabilidade financeira do negócio e a confiança do mercado.

Além disso, a empresa ainda corre o risco de ser autuada pela Receita Federal por sonegação de impostos. Nesse caso, muitas vezes um tributo que custaria R$ 3 mil para ser pago pode se transformar em R$ 6.750,00, visto que a multa por sonegação pode chegar até 225%, de acordo com o artigo 44 da Lei 9.430/1996.

O gestor ainda pode ser preso, dependendo da gravidade dos fatos, com pena de 2 a 5 anos conforme determina a Lei 8.137/1990.

Diante de todas essas informações, vale a pena arriscar e investir na contabilidade criativa para mostrar melhores resultados sobre sua empresa?

Obtenha bons resultados sem riscos

Para conseguir obter bons resultados financeiros e não correr o risco de sonegar impostos, o ideal é procurar pelos serviços de um contador com experiência no mercado e que seja de confiança.

O profissional, ou uma empresa especializada em consultoria contábil, poderá ajudar a planejar o futuro do negócio. Assim, esses especialistas mostrarão o melhor caminho para apresentação das demonstrações financeiras e ajudarão na captação de recursos, contribuindo para o crescimento da empresa.

Dessa maneira, o gestor garante a credibilidade do seu negócio, a segurança financeira e ganha a confiança de investidores.

Adotar a contabilidade criativa para melhorar resultados pode ser uma medida arriscada e com prejuízos em longo prazo. Gostou das informações deste post? Que tal compartilhar ele com seus amigos?

CTA A evolução da contabilidade

Artigos relacionados

Newsletter

Receba dicas e as novidades do mercado para ganhar muito mais tempo e eficiência nas operações da empresa! Preencha seus dados e assine nossa newsletter: