fbpx

Conheça 3 vantagens da gestão comportamental

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp

A gestão comportamental é o ato de gerir planejamentos, estratégias e rotinas de trabalho baseado no perfil comportamental dos funcionários. Ou seja, nessa metodologia se priorizam a habilidade, o conhecimento e a personalidade do trabalhador, entre outros aspectos.

O fato é que a perda de talento humano continua sendo um dos principais problemas das organizações. A dinâmica de negócios e a quantidade de possibilidades e ofertas disponíveis no mercado são tentações para os profissionais, que sempre almejam um lugar que ofereça melhores condições de trabalho.

Uma gestão comportamental possibilita justamente a retenção de talentos e um significativo aumento de produtividade. Para ficar mais claro, neste artigo apresentaremos 3 vantagens que a sua empresa pode obter ao adotar a gestão comportamental. Confira!

1. Redução de turnover

O turnover é alta rotatividade de colaboradores, ou seja, as constantes demissões e contratações. É um pensamento óbvio: quando uma empresa não prioriza o talento o do funcionário e o desloca para funções fora do seu perfil, isso o faz produzir muito pouco, gerando um gradativo desestímulo. Consequentemente, esse quadro terminará em desligamento ou mesmo em pedido de demissão por parte do trabalhador.

A gestão comportamental é a metodologia que foca diretamente nesse ponto. A ideia é sempre proporcionar uma rotina de trabalho que favoreça as habilidades do colaborador e, consequente, o aumento de desempenho.

2. Recrutamento adequado

A produtividade, a competitividade e a reputação de uma organização estão na qualidade e na força de trabalho dos seus profissionais. Acertar na contratação dos colaboradores é uma das formas mais inteligentes de garantir o sucesso em longo prazo.

Por meio da implementação de um sólido projeto de gestão comportamental, que inclui aspectos integrais como a avaliação precisa das habilidades dos candidatos, o colaborador certo poderá ser selecionado para cada vaga disponível.

A maneira de ter o melhor talento humano a serviço da empresa é colocar os especialistas encarregados na direção do departamento de RH. Em outras palavras, o planejamento de gestão comportamental precisa estar em prática em todos os setores da empresa, fazendo com que o conceito seja aplicado em todas as cadeias hierárquicas do negócio.

3. Alinhamento dos colaboradores com a cultura da empresa

A gestão eficaz de talentos permite ao empresário avaliar de forma completa e abrangente vários aspectos importantes para a solidez do negócio, por exemplo:

  • desempenho dos funcionários;
  • comportamentos;
  • percepção do ambiente de trabalho;
  • pontos fortes e fracos;
  • adequação à cultura e valores da empresa.

Dessa forma, é muito mais fácil identificar e entender dúvidas, inconveniências e qualidades dos trabalhadores, além de poder desenhar as estratégias assertivas para resolver situações e motivar cada colaborador de acordo com as necessidades dele.

Além disso, o gestor consegue melhorar, de forma natural, a adaptação das equipes aos valores da empresa. Isso é alcançado aumentando a satisfação da força de trabalho e, consequentemente, a produtividade geral do negócio.

Em suma, não há como negar os benefícios da adoção da gestão comportamental. Uma breve reflexão e chegaremos à clara conclusão de que é sempre mais agradável e produtivo estar em um local que prioriza suas habilidades e trabalha seus pontos fracos. Por isso, analise as dicas apresentadas e certifique-se de extrair o melhor dos seus funcionários.

Gostou deste artigo? Que tal continuar se aprofundando no assunto e conferir o nosso texto sobre a importância da gestão de pessoas?

 

Assine a nossa Newsletter