fbpx

O que é trabalho temporário e como funciona?

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on email
Share on whatsapp

Há situações que exigem mais esforços das empresas do que de costume, levando essas a fazer contratações que suprem a demanda no momento, isto é, buscando o contrato temporário de trabalho.

 

O profissional temporário não pode ser contratado em qualquer situação. Segundo a lei, ele só poderá ser contratado através de uma empresa de trabalho temporário para prestar serviço por tempo determinado à outra. Além disso, a contratação está restrita a situações como:

  • Substituição pessoal regular e permanente;
  • Demanda complementar de serviços.

 

Nos grupos de substituição pessoal regular e permanente são incluídos:

  • Licença maternidade;
  • Licença médica;
  • Período de férias;
  • Afastamento de grupo de risco (durante a pandemia).

 

A demanda complementar de serviços representa o acréscimo de demanda em épocas específicas do ano, como:

  • Dia das mães;
  • Páscoa;
  • Natal, entre outros.

 

O contrato temporário deve ter uma duração limitada. O período de duração do contrato temporário pode variar entre 01 e 270 dias (9 meses), isso já contando com a possível prorrogação de 90 dias.

 

Como funciona o contrato de trabalho temporário

É necessário saber que o profissional temporário possui subordinação direta com a empresa tomadora de serviços (empresa que o contratou). Isso quer dizer que a empresa de trabalho temporário apenas é obrigada a fazer o repasse dos encargos trabalhistas ao profissional temporário.

O contrato de trabalho temporário não é registrado em CTPS, havendo somente anotação da condição de empregado temporário. Porém, tudo deve funcionar dentro das exigências do E-social, garantindo ao funcionário os mesmos direitos do empregado em regime CLT, com exceção do seguro desemprego, aviso prévio e multa de 40% do FGTS.

O funcionário temporário receberá salário e demais condições de trabalho equivalentes aos empregados que trabalham na mesma função dentro da empresa.

As vantagens para a empresa ultrapassam o fato de ser uma contratação eficaz para momentos de insegurança financeira e grande demanda, já que o contrato temporário também prevê benefícios como os créditos tributários. A contratação de trabalho temporário aplicado à área produtiva gera crédito de PIS e COFINS para a maioria das empresas tributadas no Lucro Real.

 

A Meta RH Multiservice, de forma íntegra, ética e responsável, atua na contratação e administração de contratos temporários, estejam os serviços juntos ou separados.

 

Leia também: O que é trabalho terceirizado e como funciona?

E as 8 principais caraterísticas de um bom gestor.

Assine a nossa Newsletter